16/07/2014

Os acessos 4G no mundo deverão chegar à marca de um bilhão de conexões em 2017 e quase dobrando dois anos depois, chegando a 1,8 bilhão em 2019. Com isso, a tecnologia LTE representará 22% de todas as conexões móveis ativas no mundo no mesmo ano, ou quase um em cada cinco acessos.

A estimativa é da Juniper Research e foi divulgada nesta quarta-feira, 16.

O LTE já vai pavimentando seu espaço entre os dispositivos móveis. Segundo a empresa de pesquisas, neste ano, cerca de um em cada três smartphones fornecidos ao mercado terão capacidade de se conectar ao 4G.

Mas o destaque é para o mercado chinês, já que as operadoras locais (China Mobile, China Telecom e China Unicom) anunciaram o compartilhamento de infraestrutura de rede para a implantação do 4G. Assim, a previsão é de que a maior parte das receitas com o LTE em 2019 será proveniente do país asiático junto com o Oriente Médio.

O estudo diz ainda que o TD-LTE terá uma participação importante no desenvolvimento global da tecnologia de quarta geração. Essa tecnologia deverá ter uma implantação maior em outras partes do mundo, mas será liderada pelas aplicações na China, Japão e Índia. Atualmente há 36 redes TD-LTE comerciais e a Juniper acredita que essas conexões tenham um crescimento anual maior do que as da FD-LTE nos próximos cinco anos.

Fonte: Teletime